19 3814 4410

19 3814-4416
LPS Agrofarma | Medicamentos Veterinários LPS Agrofarma | Medicamentos Veterinários

Progespon (25 esponjas)

Progespon (25 esponjas) Fabricante: ZOETIS
PROGESPON® é constituido por esponjas vaginais de poliuretano impregnadas com medroxiprogesterona (MAP) produzido pela Syntex S.A. com tecnologia própria e alto controle de qualidade, o que garante resultados uniformes. O MAP é um progestágeno sintético 100 vezes mais potente do que a pregesterona, que absorvido pela via vaginal, atua eficazmente como sincronizador de cio de ovelhas e cabras. Os progestágenos são utilizados em muitas espécies, inibindo a liberação de hormônios luteinizantes (LH) e folículo estimulante (FSH) hipofisários, inibindo a ovulação até o momento desejado. Logo após a retirada das esponjas vaginais impregnadas com MAP, a concentração de progesterona no sangue cai rapidamente o que permite a retomada das funções ovarianas e o retorno ao cio.
 
Fórmula:
 
Cada esponja vaginal de "PROGESPON®" contém: 
Acetato de medroxiprogesterona (MAP) .................................................60 mg. 
Azul de metileno ...................................................................................q.s.p. 
 
"PROGESPON®" é contituido por esponjas vaginais de poliuretano impregnadas com medroxiprogesterona (MAP) produzido pela Syntex S.A. com tecnologia própria e alto controle de qualidade, o que garante resultados uniformes. O MAP é um progestágeno sintético 100 vezes mais potente do que a pregesterona, que absorvido pela via vaginal, atua eficazmente como sincronizador de cio de ovelhas e cabras. Os progestágenos são utilizados em muitas espécies, inibindo a liberação de hormônios luteinizantes (LH) e folículo estimulante (FSH) hipofisários, inibindo a ovulação até o momento desejado. Logo após a retirada das esponjas vaginais impregnadas com MAP, a concentração de progesterona no sangue cai rapidamente o que permite a retomada das funções ovarianas e o retorno ao cio.
 
Indicações: 
 
"PROGESPON®" é recomendado para sincronização de cio de ovelhas e cabras em anestro estacional, como complemento para o tratamento do anestro de diversas etiologias e também em tratamentos superovulatórios em ovinos e caprinos. A administração de gonadotrofina coriônica eqüina (eCG/PMSG) no momento da retirada das esponjas vaginais potencializa a ação sincronizante dos progestágenos, assegurando uma perfeita sincronização dos cios férteis. Esse tipo de associação é bastante eficiente sendo rotineiramente utilizada em programas reprodutivos para ovinos e caprinos.
 
Dosagem: 
 
Ovinos: 
 
1.Indução e sincronização do estro e ovulação de fêmeas em ANESTRO: 
Dia 0: Colocação das esponjas vaginais "PROGESPON" 
Dia 12:Retirada das enponjas e aplicação de 400-500UI de PMSG 
Dia 14-16:Manifestação do estro e serviço ou inseminação artificial. 
 
2.Sincronização de estros e ovulação em fêmeas CÍCLICAS: 
 
Dia 0:Colocação das esponjas vaginais "PROGESPON®" 
Dia 13-14:Retirada das esponjas e aplicação de 300-400UI de PMSG 
Dia 15-17:Manifestação do estro e serviço ou inseminação artificial. 
 
3.Superovulação: 
 
Repete-se o programa 1 ou 2 aplicando-se 800-1000UI de PMSG após a retirada das esponjas vaginais de "PROGESPON®" 
 
Caprinos: 
 
1.Complemento de indução e sincronização de estros e ovulação em fêmeas em ANESTRO e sincronização de estros e ovulação em fêmeas em temporada reprodutiva: 
Dia 0:Colocação das esponjas vaginais "PROGESPON®" 
Dia 9:Aplicação de 400UI de PMSG(*).Pode-se aplicar neste momento uma dose de 150µg de PGF2α ou análogo. 
Dia 11:Retirada das esponjas. 
Dia 13-15:Estro e serviço ou IA. 
(*)Doses de PMSG:Cabras em anexo:300-500UI;cabras adultas não lactantes em reprodução:200-500UI; cabras adultas lactantes:300-500UI e cabritas:100-150UI. 
 
Momento ótimo para realização das inseminações artificias. 
Com detecção de estro: 
Via cervical:12 horas após o diagnóstico do estro; 
Via intrauterina:20 horas após o diagnóstico do estro. 
 
Sem detecção de estro: 
 
Via cervical:31 e 48 horas após aplicação de eCG/PMSG; 
Via intrauterina; 50 e 60 horas após aplicação de eCG/PMSG. 
 
2.Superovulação: 
 
Seguir o esquema anterior e aplicar uma dose de 800 a 1000UI de PMSG em conjunto com uma dose de PGF2α ou análogo. 
 
 
Administração: 
 
As esponjas vaginais "PROGESPON®" devem ser aplicadas profundamente na vagina da fêmea de forma manual ou através do uso de um aplicador ou vaginoscópio.É recomedada a assepsia da região vulvar antes da colação da esponja vaginal, assim como anti-sepsia dos aplicados e/ou materiais utilizados para cada animal.Sugere-se o uso local de antibióticos e/ou anti-sépticos em spray na vulva, ou na própria esponja antes de sua colocação na vagina. Recomenda-se a ruptura do hímen nas fêmeas jovens 24 a 48 horas antes da colocação da esponja vaginal a fim de que se evitem aderências. A retirada da esponja deve ser feita através da tração do fio de algodão, 11 a 14 dias após a sua colocação, variando este período de acordo com a espécie e programa reprodutivo desejado.
 
Precauções: 
 
É contra indicado o uso das esponjas em animais com doenças vaginais, uterinas ou de vias urinárias baixas. 
 
Após a retirada da esponja vaginal aguardar um período de 30 dias para a utilização do leite destinado ao consumo humano e para o abate dos animais tratados com o produto. 
 
As embalagens de "PROGESPON®" devem ser conservadas em local fresco, seco e ao abrigo da luz direta.A exposição á umidade excessiva, temperatura acima de 30ºC e luz solar direta podem provocar alterações na qualidade do produto. 
 
A embalagem de "PROGESPON®" não contém antimicrobianos ou conservantes, recomenda-se que uma vez aberta seja utilizada até o final.
 
Apresentação: 
 
Embalagens seladas de plástico opaco contendo 25 esponjas vaginais.




SOLICITE UM ORÇAMENTO!

Progespon (25 esponjas)

Voltar ao Topo

Copyright© 2019 - LPS Agrofarma. Todos os direitos rerservados.

Logo